quarta, 25 de abril de 2018
SIGA-NOS

Presidente do Sindifisco garante que estado tem dinheiro em caixa e reivindica audiência com RC para discutir reajuste salarial

Publicado em segunda-feira, Janeiro 11, 2016 · Comentar 

vitorhugo-300x225A recusa do governador Ricardo Coutinho (PSB) de discutir o reajuste salarial colocou o Fórum dos Servidores Públicos da Paraíba novamente em posição de luta. Segundo o presidente do Sindifisco, Victor Hugo, que também integra o Fórum, o Estado tem dinheiro e pode sim realizar um reajuste digno, independente de queda de Receita. Para ele, o que não pode é o governo continuar com o alto número de servidores comissionados e prestadores de serviços, o que prejudica o funcionamento saudável do Estado.

“A gente reconhece que realmente houve uma queda da Receita do Estado, não dá pra fugir disso, mas, por outro lado, o Ricardo Coutinho também não fez o seu dever de casa. Desde 2014 que estamos falando do inchaço da folha com servidores codificados, comissionados e prestadores de serviços. Pelas nossas projeções, e vamos ver se o Tribunal de Contas vai confirmar isso, só esse ano ele vai gastar cerca de 600 milhões de reais com isso. Isso é um desrespeito ao servidor público concursado”, disse Vitor Hugo em contato com o Blog.

O Fórum dos Servidores Públicos espera, ainda esta semana, por uma posição do governador para a realização de uma audiência com os representantes da entidade. “É um absurdo que o servidor concurso seja prejudicado por inchaço de folha, ou seja, questões políticas. Não aceitaremos reajustes em gratificações como o realizado ano passado, quando Ricardo deu 1% nos salários”, comentou Vitor Hugo. A data-base dos servidores da Paraíba é no mês de janeiro.

Ainda de acordo com Vitor Hugo, mesmo que não se tenha um percentual certo a ser reivindicado pelos servidores, a categoria tem defasagens salariais em torno de 30% em função de perdas inflacionárias durante todos os anos de gestão de Ricardo Coutinho. “Que nos proporcione pelo menos a perda inflacionária”, arrematou o dirigente do Fisco, destacando ainda que o PIB da Paraíba teve elevados aumentos nos anos de 2012, 2013 e 2014, e também teve, no acumulado dos anos de 2011 a 2015, uma elevação de 78% na arrecadação de ICMS. “É como eu digo, dinheiro tem, mas está sendo mal utilizado”, lamentou.

Da Redação
Com o Fala PrefeitoPB

Comentários
Tags :


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48